Betsy e seus balões coloridos

Aventuras e histórinhas em São Paulo (e agora em Londres também!!)

Não tem preço… maio 11, 2010

Filed under: Diversão,Londres — Priscila Valdes @ 4:38 pm
Tags: , , , ,

– Viajar para Londres – todas as reservas financeiras dos últimos quatro anos;

– Morar com mais 9 pessoas numa casa xexelenta – 65 pounds por semana;

– Oyster Zonas 1 e 2  – 26 pounds por semana;

– Achar um óculos escuro (lindo) Oscar de La Renta por 7 pounds…

Não tem preço! 😀

 

Tem que sambar – Parte 1 maio 8, 2010

Filed under: Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 6:00 pm
Tags: , , , ,

Quando eu decidi vir para Londres, eu sabia que não encontraria um emprego como  jornalista e que teria que esquecer a minha vidinha classe média em São Paulo. Pensei que, com muita sorte, conseguiria trabalhar num pub ou coisa parecida. A verdade é que logo no começo fiquei doente e estava (está) MUITO difícil arrumar trabalho por aqui. Por mais que existam vagas, a concorrência é gigante, muita gente desempregada e cada vez mais pessoas chegando aqui para “estudar”. Além disso, eu comecei  a acreditar que para arrumar trabalho aqui ou tinha que ser muito linda ou falar inglês muito bem. Bom, me f*** né?!

Com tudo isso, fiquei dois meses completamente desempregada quando comecei um serviço de “promoção”, por indicação de uma amiga. O trabalho era de sexta e sábado, das nove da noite a uma da manhã, na rua, numa esquina em Clapham Junction, no frio e chuva, entregando panfletos de uma balada local. O primeiro final de semana eu trabalhei as quatro horas de cada dia. Direitinho. No segundo, as meninas (outras duas brasileiras) já começaram a me chamar para ficar no McDonalds enrolando um pouquinho (feio, eu sei, mas estávamos no inverno, a sensação térmica na época era negativa, você pode imaginar o que é isso? Do Brasil? Não mesmo!). Outras equipes de “promoção” também faziam isso: depois da meia noite, todo mundo se encontrava no McDonalds. A gente já era de casa.

Nos outros finais de semana eu inventei várias estratégias para fazer o tempo passar: comprava uma garrafa de vinho e ficava bebendo, baixei toda a coleção de podcasts de gramática da BBC para ficar estudando enquando entregava panfletos, fiz amizade com um paquistanês que ficava horas conversando comigo (num inglês terrivelmente pior que o meu), entre outras ideias mirabolantes. Assim se passou um mês conseguindo ganhar o dinheiro para pagar, pelo menos, a minha acomodação.

Foi quando a russa voltou a trabalhar. A russa falava de boca cheia que já entregava panfletos há seis meses lá. No último mês ela estava de férias. Meu, que ódio daquela russa. Explico: a fia-da-mãe trabalhava, ô se trabalhava… Enquanto eu ficava lá repetindo to be ou not to be tomando vinho na rua, ela ENTREGAVA os panfletos. No final de uma noite de sábado, ela tinha feito 73 panfletos na portaria e eu, 5… C-I-N-C-O!!!

Depois dessa  noite fiquei com vergonha. E decidi que esse trabalho, nas esquinas londrinas de madrugada, não era para mim. Nunca mais fui para Clapham Junction. Mas a minha vida de panfletagem não tinha acabado. Tem mais…

 

Cilada abril 19, 2010

Filed under: Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 9:18 pm
Tags: , , , ,

O cara me ligou e me ofereceu uma análise do meu currículo. Eu fiquei tão eufórica que aceitei na hora. Depois eu tive que ligar lá para saber se tinha que pagar, o cara me disse: Nãooo, é free! Pensei: bom, pelo menos vou praticar meu Speaking…

Sabe quando você chega no lugar e pensa: Me f**. Cheiro de roubada, daquelas bem ao estilo do programa do Bruno Mazzeo – Cilada.  Então… O cara me deixou 30 minutos esperando. Depois, ele me chamou e me explicou que, pela bagatela de $ 1500 pounds, eu poderia fazer um treinamento para me “realocar” no mercado.

E ele, super legal, ainda me disse que eu poderia fazer em DUAS VEZES, olhaaaaaaaaa.. rs

Dai eu perguntei sobre o conteúdo do curso:

– Como mexer no Pacote Office;

– Atendimento ao Cliente;

– Montar mailings… E por ai vai…

Impressionante, né gente?! Picaretagem tem em todo o lugar..

 

Zicada… março 31, 2010

Filed under: Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 10:16 pm
Tags: , , , , , ,

Eu sei… Eu não deveria estar reclamando. Afinal, estou em Londres (comendo-o-pão-que-o-diabo-amassou ), mas estou em Londres, né?! Ai, mas a verdade é que eu ando meio zicada aqui 😦

Semana passada eu faltei três dias na aula porque tive a pior gripe de toda a minha vida, com direito a febre e falta total de voz. Depois de uma caixa de remédios, duas cartelas de pastilhas, um vidro de xarope, dois litros de chá de alho com limão e leite com mel, eu melhorei.

Então chegou a primavera. Fiquei toda eufórica né, afinal eu AMO a primavera, mas dai veio uma frente fria e, claro, piorei no final da semana por conta do trabalho à noite na rua. Como se tudo isso não bastasse, nessa semana a minha boca encheu de feridas por causa da febre que eu tive. Hoje eu estava me olhando no reflexo do metrô e juro, achei que eu estava parecendo alguém morando num campo de concentração: pálida, perebenta, com olheiras no meio da bochecha, cabelos sujos e uma sobrancelhas para lá de horrorosa…

Bom, as feridas estou tratando com pomada, fiz banho de creme no cabelo hoje, tirei eu mesma as sobrancelhas e amanhã vou pintar as minhas unhas de vermelho…

Bora mandar essa feiúra e baixo-astral pra outro lugar. Affff

 

Tô ficando velha… março 10, 2010

Filed under: Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 4:00 pm
Tags: , ,

E com preguiça de escrever em inglês :). Por isso, esse aqui vai em português mesmo. Então, gente, logo depois de eu ter escrito esse meu último post super deprê com trilha de Radiohead e tudo,  um amigo meu, na verdade, ele nem era meu amigo, quer dizer… Tá, o Ciro me ligou… Quem me conhece há mais de cinco anos sabe das minhas andanças pelo Rotaract e que eu e o Ciro, assim, a gente nunca foi melhores amigos. Mas como ele está aqui há mais de quatro anos, passei meu tel por e-mail e ele me ligou chamando para ir num Pub (O’Malleys Irish Bar) em Picadilly Circus (centrão de Londres) e eu fui rsrsrs

E foi MUITO legal, foi ele e uma amiga, a gente se divertiu pra caramba, voltei relativamente cedo (a tempo de pegar metrô) e foi tudo lindo.  Enfim, noite perfeita!

No sábado fui a um  club (uma  balada) com os meus amigos espanhóis. Gente, essa foi até hoje, a minha pior experiência em Londres. Eu tive que pagar 20 pounds pra entrar (aqui, até um certo horário a gente não paga nada para entrar na maioria dos lugares), mas até ai tudo bem. Porque quando eu fui comprar uma long neck, eu paguei 6 POUNDSSSSS: a long neck mais cara de TODA A MINHA VIDA.

Mas tudo bem, eu estou em Londres né?! Tudo vale a pena. Como eu adoro escrever em tópicos (preguiça de pensar), lá vai: como ter um sábado horrível em cinco passos:

1 – Pague 6 pounds numa long neck, além de pagar 20 pounds só para entrar, e nem se ATREVA a converter para Reais rsrsr;

2 – Depois de pagar 26 pounds, seja recebida por um staff peculiar – os seguranças empurravam você de uma tal forma, que eu me senti numa final de Campeonato Paulista Corinthians x Palmeiras…

3 – Coloque uma trilha sonora interessantes – tipo  Black Eye Peas “I gonna feeling” a noite toda e uma platéia eufórica cantando alucinadamente. BOM, nem preciso falar nada né?! Rsrsr

4 – Sinta o prazer de se sentir pobre perto de quem é rico (de verdade): sabe aquela casa que tem em Sampa que eles param a balada cada hora que alguém pede champagne?! Então, nessa casa também acontecia isso, e além deles colocarem a música de StarWars cada vez que alguém pedia a garrafa, eles acendiam uma espécie de fogos de artifício que deixava a casa inteira cheirando enxofre queimado. Bom, mas isso não importava para os caras, depois eu descobri que cada garrafa de champagne custava 300 pounds, para reservar uma mesinha reba 700 pounds (e a pergunta que não quer calar – o que diabos eu estava fazendo ali, NÉ?!).

5 – Depois vá descobrir  a vida Londrina – Eu e a minha amiga Cristina decidimos ir embora antes…Decidimos pegar um ônibus (que aqui em Londres funciona e muito bem) para voltar para casa. Só que… A noite dos infernos não tinha acabado…. Pegamos um ônibus relativamente lotado e fomos para a parte de cima. Mas não tinha mais lugar para sentar, então ficamos lá em pé. De repente, o ônibus para e começa a repetir uma mensagem. Bom, eu e minha amiga estávamos tão exaustas com a noite infeliz, cansadas e frustradas.

Tipo, uns 15 minutos depois do ônibus parado (e lotado), alguém grita, em inglês – owwww vocês duas, não podem ficar paradas ai!!!!

Daaaaaiiiii que a gente se tocou que o ônibus (lotado, eu quero frisar bem isso) estava parado por NOSSA CULPA. Ai que vergonha…

Bom, essa foi uma de muitas coisas que eu ainda vou aprender por aqui: não pode ficar em pé na parte de cima do ônibus, NEM nas escadas, ok?!

E se como não bastasse essa noite odiosa, metade do ônibus desceu no mesmo ponto que a gente e…. Entrou no mesmo alojamento que a gente!!!!!!!! Ai que ódio!

Enfim… Foi isso!

Ontem eu sai por ai distribuindo meu CV. Depois eu conto a experiência. =)

 

Our first text in English… março 4, 2010

Filed under: Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 2:56 pm
Tags: , ,

… We’ve never forgotten 🙂

All the time I am trying to write something in English. The main problem is I need to think so much to tell anything that it gets me tired and lazed.  Anyway, I will tell you some important things that happened with me in those last days:

–          The worst PMS in all my life – seriously, you couldn´t recognized me… One day I was euphoric with my new life, in another, I wanted kill myself.

–          My roommate arrived!! She is from Barcelona and very cool… We are spending a lot of time at night speaking bad about English guys. It is nice have someone familiar in the same room.

–           The conversation class and general English courses have finished. I loved my two teachers (Paul and Simon). They were kind and helpful all the time. Paul helped me with my CV and It was really, really, really great!! And Simon  showed us where Mick (Jagger) and David (Bowie) lived in the past… It was very exciting.

–          The IELTS preparatory have started. The new teacher is a kind of “ listening machine” . He speaks fast and this is really good for me.  He is very polite and I’ve really liked him.

–          In the next weeks I really need to find a place to live and a job. I am very worried about these two points.

The reason I write in topic is because I don’t know how to use CONNECTOR words yet, ok?! But don’t worry, the things will be better 😀 One day I will be able to write about philosophy and history… One day….

Well, I miss everybody…

Agora imagina eu, que falo mais do que o homem da cobra, tendo que pensar exatamente no que vou falar… Esse está sendo um bom exercício para – “Pensar antes de falar qualquer coisa”.

Assim que arrumar um emprego e lugar pra morar, não necessariamente nesta ordem, eu conto mais, prometo!!

 

Londres – Primeira semana fevereiro 21, 2010

Filed under: Diversão,Londres,Vida urbana — Priscila Valdes @ 2:09 pm
Tags: , , , ,

Cheguei.

Antes mesmo de sair de Lisboa, fiquei tão nervosa, que tive dor de barriga e quase perdi o vôo porque estava no toilet…rsrsr Ai ai ai Jacu é f…. Mas deu tudo certo, como eu tenho passaporte italiano, ele só quis saber o porquê de eu ter nascido no Brasil e ter passaporte europeu. Expliquei que era por causa da minha mãe e tudo lindo.

Chegar do Heathrow (aeroporto) até South Kensington (estação de metrô) sozinha , com três malas, foi até que muito tranquilo. Afinal era domingo e o metrô não estava lotado. Em compensação, sair de South Kensington e tentar pegar um táxi foi o CAOS. A minha mala quebrou, enfim… Uma comédia grega.

Estou num alojamento de esquina com a King’s Rd, perto da Sloan Square. Nossa TUDO né?! Mas só vou ficar aqui por um mês, vou precisar procurar algo bem mais barato mês que vem.

A primeira semana aqui foi terrível, como o previsto rsrs Era carnaval no Brasil, não tinha um filha da mãe online para eu poder chorar por estar aqui, sozinha e no frio. Enfim, sai mandando e-mails para todos os amigos dos amigos que moravam aqui 🙂

Nessa, consegui conhecer pessoas bem legais, que foram mega receptíveis e acolhedoras. Sexta à noite eu fui numa festa em Old Street com a Carol, uma jornalista que está aqui há quatro anos e agora está fazendo mestrado em política. A irmã dela trabalha com produção cultural, então, se deixar, tem festa todo dia. Ueeeba! 🙂 Elas foram querídissimas e com certeza quero fazer parte dessa turma.

No sábado fez um dia lindo aqui  e fui encontrar a Naveem, amiga da Ka (CARE). Como semana que vem ela vai para India, dei um jeito de encontrar com ela ontem. Querídissima também. Nós fomos para a feirinha em Portobello, em Notting Hill. Nossa, amei tudo lá. É uma feirinha tipo Benedito Calixto, mas em Londres né?! Rsrsrs Muito estilo e  gente do mundo todo.

As fotinhos estão aqui ó: http://twitpic.com/photos/Pri_Valdes

Depois eu volto para falar mais sobre a escola, o curso e o alojamento 😀

Ah… Fotinho foi Paula R. que mandou, fofa!